Comprar sem sair de casa é uma facilidade dos novos tempos que tem atraído tanto empresas, quanto clientes. Realmente o e-commerce é uma opção muito prática. A pessoa está em qualquer local, só acessa o site a hora que quiser e pronto, encontra uma infinidade de produtos à sua disposição que chegarão à sua porta em alguns dias.

Para o dono do negócio a situação também favorável. Sua loja funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana, sem precisar gastar fortunas com aluguéis e demais despesas que uma loja física demanda. Sem contar com a segurança que o e-commerce proporciona.

Ainda não está habituado com ecommerce? Ele é uma plataforma digital de vendas, por meio da qual é possível atrair potenciais clientes para converter em vendas. Pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) realizada em todas as capitais brasileiras apontou que no Natal de 2017 as compras por ecommerce ultrapassaram as feitas em shoppings centers.

Confira 5 passos para você aquecer as vendas e conquistar cada vez mais clientes para o seu ecommerce.

 

  • Faça um site responsivo

    Site responsivo é aquele que se adapta aos mais diversos dispositivos e telas. Hoje utilizamos plataformas diferentes para nos conectar à internet, logo, comprar online deve ser uma experiência simples e de fácil acesso.

    Mantenha o ecommerce sempre atualizado. Se o cliente entrar no site e vir valores e produtos desatualizados, é muito difícil querer retornar. Quando um produto esgotar, coloque um botão para a pessoa ser avisada assim que voltar para o estoque. Dessa forma, o potencial cliente fica sabendo que você se importa com ele e o seu negócio acaba de ganhar mais um contato.

    O site do seu ecommerce, além de responsivo, também deve contar com um layout moderno, clean e organizado. O usuário precisa ser conquistado assim que acessar o site. Quanto menos cliques ele precisar dar para selecionar os produtos e efetuar a compra, mais curta será a jornada, tornando o processo de fechar o negócio bem mais simples e atrativo.

 

  • Invista em email marketing

     

    O cliente, ao fazer o cadastro em seu ecommerce, deixa o e-mail registrado. Sendo assim, é possível iniciar um relacionamento com essa pessoa. O relacionamento via e-mail marketing é extremamente importante para que o cliente sempre lembre do seu estabelecimento.

    É uma estratégia simples e barata, mas que gera resultados. Você precisa reconhecer as necessidades dessa pessoa. O que ela procura no seu ecommerce, com que frequência faz compras e quanto costuma gastar são algumas informações que te ajudarão na hora de enviar os e-mails certeiros.

    Reabastecimento

     

    Vamos supor que o seu produto seja de uso frequente. No banco de dados do ecommerce deve conter a data em que o cliente costuma adquirir tal insumo. Dessa forma, você pode enviar e-mails marketing sempre que o produto estiver acabando, a fim de lembrá-lo que está chegando a hora de comprar novamente.

    Como captar o e-mail de quem ainda não é cliente

     

    Educar o potencial cliente é um passo para que ele se torne cativo e passe a consumir no seu e-commerce. Mas como conseguir educá-lo?

    Você pode, por exemplo, utilizar pop ups no site oferecendo promoções de determinado valor na primeira compra. Assim, a pessoa se cadastra e você consegue iniciar o relacionamento.

    Os e-mails de relacionamento devem conter conteúdos interessantes, com dicas sobre a usabilidade dos produtos e assuntos afins ao seu negócio.

 

  • Incentive a compra no seu ecommerce

     

    O cliente precisa ser incentivado a comprar. Muitas vezes ele esquece mesmo, então é sempre bom ter alguém lembrando. E nada melhor do que ser lembrado com algum agrado, não é mesmo?

    Pode ser um desconto no mês do aniversário e na primeira compra ou ainda brindes que irão junto com a aquisição. Pode ser, inclusive, algum material rico (ebooks e planilhas) que ajudará no dia a dia dessa pessoa.

 

  • Estabeleça estratégias de inbound marketing

     

    Inbound marketing é o marketing de atração, por meio do qual o consumidor vai até o estabelecimento atraído pelo seu conteúdo. Mas, para conseguir ser visto, são necessárias algumas estratégias.

    SEO

    Search Engine Optimization ou, em português, ferramentas de otimização para mecanismos de busca, são as técnicas utilizadas para ranquear sites, blogs e páginas nos mecanismos de busca.

    Quando entramos Google para fazer uma pesquisa, costumamos olhar apenas os primeiros resultados. Ou seja, os sites melhor ranqueados, os que possuem o maior SEO. As páginas só conseguem subir no ranking quando possuem alto volume de tráfego e viram autoridades. Para tanto, é preciso produzir conteúdo relevante.

    Uma estratégia é investir em blog na própria página do ecommerce. Assim será gerado tráfego e o seu negócio vira referência. O blog tem o poder de atrair, converter e fidelizar o seu cliente. A pesquisa Ecommerce trends 2017, feita pela Rock Content, concluiu que ecommerces que contém blogs possuem até três vezes mais visitas do que os que não têm. Além de conseguirem 2,5 vezes mais clientes.

Abuse das redes sociais


As redes sociais são uma grande janela para o seu ecommerce. Antes de decidir em qual veículo apostar, faça uma pesquisa sobre o seu público-alvo, a fim de descobrir onde ele está.

É um meio fácil, com custo baixo e de fácil acesso às pessoas. Você cria um contato direto e o relacionamento com o cliente fica muito mais próximo, vira realmente uma conversa entre amigos.

No entanto, para as redes sociais terem o efeito desejado, é preciso seguir algumas “regras de boa convivência”.

– Perfil profissional: a pessoa chega até a rede social do seu negócio com determinada finalidade. Portanto, crie um perfil profissional e não o misture com o seu pessoal.

– Gerência profissional: da mesma forma que você contrata profissionais para trabalharem no seu negócio, assim deve ser com as redes sociais. O trabalho feito por um profissional contém muita técnica por trás do resultado final, para que os objetivos sejam alcançados.

– Imagens: utilize imagens boas, com alta qualidade. Não precisam ser de câmeras, só um celular com a qualidade legal já é o suficiente. Lembre-se de usar imagens relacionadas ao seu ecommerce, não fuja do tema.

– Publicações diárias: pesquisa da Rock Content de 2017 afirma que ecommerces que fazem publicações diárias possuem um alcance até 22,2 vezes maior do que os que não fazem.