3335-2680 [email protected]

Infelizmente, a cultura de realizar construções de pequeno porte com a concepção de que não há necessidade da elaboração prévia de um projeto, seja ele elétrico, estrutural ou hidrossanitário é muito comum. Esse errôneo pensamento faz com que a obra esteja sujeita a diversos problemas futuros.

 

O projeto hidráulico é um dos principais dentro da obra, e a falta dele acaba por ser grande causa de problemas e patologias. A questão financeira é um dos principais empasses para que um projeto hidráulico seja realizado, fazendo com que o cliente, muitas vezes, opte por deixar a cargo do executor da obra efetuá-lo. Entretanto, o que pode parecer acessível no momento pode vir a ser uma falha no futuro, afinal, é capaz de causar ao dono da obra muita dor de cabeça, além de investimentos futuros com reformas de problemas indesejáveis.

 

Com isso, além da alta probabilidade de insumos exagerados e desperdício de material, o contratante fica sujeito a outros incômodos ligados à falta de conhecimento, como ligação da rede sanitária diretamente na rede pluvial, falta de um sistema de tratamento individual de esgoto, improvisação na escolha de conectores e tubos, ineficiência de pressão de água e retorno de gases fétidos pela tubulação. Além disso, é muito comum nos empreendimentos em que não há planejamento hidráulico o desconforto com vazamentos, furo de tubos e conexões por furadeira.

Agora que já conhece um pouco mais sobre o projeto, vamos te dar alguns motivos para não deixar de contratá-lo!

 

Economia

Em uma análise precipitada, pode ser considerado que o cliente irá gastar mais realizando um projeto hidrossanitário, afinal, precisará contratar um projetista para realizá-lo.  Porém, vamos aos fatos: ao elaborar um projeto hidráulico, mesmo que de uma residência, ele está reduzindo em média 20% do custo total da obra, levando em conta o desperdício de materiais e utilização de peças que são comumente utilizadas em todas as construções, não pensada de forma personalizada para aquela construção.

O projeto hidráulico também traz uma economia a médio e longo prazo. Ao realizar o projeto, o contratante também está se precavendo para imprevistos gerados pela falta de planejamento.Reforce com o seu cliente que, ao optar por não realizar um projeto hidráulico, ele está sujeito a colocar em risco todo o planejamento dos demais projetos. Demonstre que a reforma será muito mais onerosa que o projeto.

 

Orientação para Manutenção

Todo projeto ou edificação possui uma vida útil. Em determinado período, ele necessitará de reparos ou manutenção.Não possuir um projeto bem elaborado pode se tornar um grande problema ao ter que realizar uma manutenção ou reparo. Como a tubulação não fica aparente e a localização de caixas de gordura, inspeção e reservatório podem variar de acordo com o empreendimento, torna-se fundamental possuir um projeto ou planta hidráulica. 

 

Evitar Patologias e Inconformidades

Entre as patologias e inconformidades mais comuns que podem ser evitadas são:

  • Retorno de gases fétidos devido a instalações inadequadas de esgoto;
  • Tubulações plásticas expostas ao tempo;
  • Ausência ou insuficiência de folga das paredes laterais da cisterna com paredes limítrofes do subsolo e da laje de fundo com o piso;
  • Cisterna enterrada ou semienterrada impedindo esgotamento totalmente por gravidade;
  • Falta de tampas estanques em reservatórios e cisternas;
  • Existência de eletrodutos correndo aparentes dentro da cisterna;
  • E tubulação de aviso inexistente ou ineficaz devido a demora na identificação, uma vez que o reservatório geralmente fica localizado em regiões não visíveis.

 

Compatibilização com demais projetos

Não é incomum perfurar uma viga, rasgar paredes, mover eletrodutos, desalinhar tubulação, romper eletrodutos e tubulações por pressão, tensionamento ou aperto excessivo por conta da falta de compatibilização de projetos. Portanto, a integração em todas as etapas de um projeto é muito importante, pois aumenta o desempenho da edificação como um todo. Além disso, ao prever a estrutura hidráulica de sua edificação, o contratante evita que os elementos dos outros projetos sejam alterados ou tenham sua eficiência comprometida. 

 

Conforto e Segurança ao Usuário 

Ao decidir construir, o contratante deseja principalmente que seu empreendimento tenha longa vida útil, seja seguro, confortável e que ele possa ter o máximo de desempenho, uma vez que irá investir. Mostre ao seu cliente que, ao investir em seu projeto hidráulico, mesmo que em construções de pequeno porte, ele está aumentando o desempenho de seu empreendimento e consequentemente sua vida útil. Certamente o valor investido em planejamento é infinitamente mais vantajoso do que as reformas. Planejar para se ter sucesso é obrigatório e o projeto hidráulico, nesse caminho, é indispensável.

Gostou? Saiba mais sobre como conseguir um projeto desse tipo clicando aqui!